Aquilino Ribeiro homenageado na 89ª Feira do Livro

Aquilino Ribeiro, um dos maiores nomes da literatura portuguesa do século XX, será homenageado no dia da abertura da 89.ª Feira do Livro de Lisboa, a 29 de maio, no espaço “Autores que nos Unem”.
A sessão de celebração tem início pelas 17h30 e vai contar com a intervenção de Aquilino Machado, neto de Aquilino Ribeiro; Paulo Neto, editor da revista ‘Aquilino’ e José António Borges, presidente da Junta de Freguesia de Alvalade, que selecionou o autor como homenageado deste ano no âmbito da iniciativa “Alvalade Capital da Leitura”.
Na mesma altura, será ainda apresentada a nova edição de “Terras do Demo”, com a qual se assinala o centenário desta obra. O romance transporta-nos ao coração da geografia sentimental de Aquilino Ribeiro, ou não fossem as “Terras do Demo” o lugar onde nasceu, que lhe marcou a juventude e
ao qual regressou. Esta nova edição conta com prefácio de Ana Isabel Queiroz e ilustrações de Abel Manta.



Recorde-se que Aquilino Ribeiro nasceu na Beira Alta, concelho de Sernancelhe, no ano de 1885 e morreu em Lisboa, em 1963. O escritor deixou uma vasta obra onde cultivou todos os géneros literários, partilhando com Fernando Pessoa, segundo Óscar Lopes, o “primado das Letras portuguesas do século XX”. Foi ainda sócio de número da Academia das Ciências e, após o 25 de Abril, reintegrado, a título póstumo, na Biblioteca Nacional, foi condecorado com a Ordem da Liberdade e homenageado aquando do seu
centenário, pelo Ministério da Cultura. Em setembro de 2007, por votação unânime da Assembleia da República, o seu corpo foi depositado no Panteão Nacional.

Partilhe este artigo no Facebook